Projeto Fotográfico 4×1 – Abril

 

Esse post é parte de um Profeto Fotográfico criado lá no grupo-fofo-que-amo-demais Vai um café? São quatro fotos, cada uma lembrando um sentimento diferente. Foi ao mesmo tempo difícil e encantador.

No início fiquei preocupada em fazer fotos lindas, mas onde estava meu espírito fotográfico? O importante é o sentimento que passa na foto. E amei o meu resultado. Chega de falar e vamos às fotos:

1 – Música

Sou apaixonada por música, mesmo que não toque nada direito, tente arranhar um violão e dê umas batidas num pandeiro ou chacoalhar um pastoril ou um chocalho. Acho linda essa mistura de sons, em harmonia. Escolhi a sala de música infantil. Cheia de instrumentinhos e notas musicais. É aqui onde a musicalização começa.

pf 003

 

2 – Amor

Fui fazer essa foto para infância, mas só consegui pensar em amor. São as minhas crianças da evangelização trabalhando, colocando a criatividade pra fora. Amor pois é o que eu mais amo fazer, é o que me completa, me encanta, me faz bem, me faz acreditar em um mundo melhor!pf 005

3 – Infância

O que fazer com bloquinhos de madeira? Pequenos pedacinhos podem se transformar em castelos, casas, histórias, ou o que couber na imaginação de uma criança. Ser criança é isso, é brincar, é ter imaginação.pf 008

4 – Natureza

Que resiste a um belo por-do-sol? Um final de tarde como esse precisa ser sempre lembrado, registrado, abençoado.pf 013

Essas foram minhas fotinhas para esse mês. Como disse, tirei com carinho e escolhi pensando no que cada uma representa. Afinal, pra mim fotos são para registrar momentos, passar um sentimento, seja ele qual for. Uma forma de poesia.

Espero que gostem 🙂

12191717_10207450342518984_5470877887559865017_n

TAG: Viciados em música

A sumidinha aqui minha geeeente!! Essa semana fiquei agarrada colocando as videoaulas em dia e cuidando de outra coisinha que em breve todo mundo saberá! Acho tão triste deixar esse cantinho aqui abandonado. E estou cheia de TAGs para responder, coisa que nem gosto né 🙂 A de hoje foi tirada do blog da Lari, o Yellow ever shine, que me convida fofamente a falar sobre MÚSICA!!! Eu nem gosto né… Então partiu falar das minhas lindinhas 😉

A parte ruim vai ser escolher UMA musiquinha apenas, mas eu vou conseguir!!

– Uma música romântica que eu gosto

Começou difícil HEHEHE… não sou muito chegada a músicas românticas, as que ouço geralmente são alegres e outras escuto mas não estão na lista das minhas preferidas. Mas agora se quiser pensar em músicas apaixonadas eu menciono a banda mais in love e voto na minha preferida dela. Sim, falo de Roupa Nova. Falo de “Meu universo é Você”. Olha, se um homem cantar essa pra mim, com essa voz, esse arranjo eu caso. E esses caras mandam bem, cresci ouvindo aqui em casa.

 

– Uma música que me define

Esse item eu não penso duas vezes. É essa música e ponto final. Desde a primeira vez que ouvi sabia que era minha. Não foi atoa que na minha formatura peguei o canudo ao som dela. Na época não usava o termo diferentona, mas hoje é como defino minha personalidade, com essa música de fundo. “Mas nós vibramos em outras frequenciaaaaaas!!!!”

 

– Uma música que me faz chorar

Nhaaaaa, são tantaaaas. E cada uma no seu momento, com seu motivo e sua história. Mas essa vai sempre morar comigo e vou contar um segredo: às vezes no ônibus eu preciso pular pra não pagar mico chorando no meio do povo. Se começo a pensar na pessoinha linda (nãão, não era namorado meu povo!!!) que me recorda eu desabo. Vou deixar essa história pra outro post, ela é grandinha. E fora que essa letra.. AAAAH ESSA LETRA!! Emociono. Mesmo. Ponto final.

 

– Minha música preferida no momento:

Xiiiiii. Será porque não consigo nunca escolher UMA até no momento? Sempre ouço mil de uma vez só :s Mas estou numa vibe boa, que uma musiquinha que estou apaixonada descreve meu sentimento atual. Tá, queria fazer um post sobre ela. E vou fazer. Estou ÓTIMA!!

 

– Uma música que não consigo gostar:

HAHAHAHA. Dá pra fazer uma lista enooooooooooorme? Qualquer funk, pagode de corno, hip hop, tuntitunti? AIAIAI.. acho que esse foi o item mais difícil. Tem umas chatas que são divertidas se tiver numa festa e você só ouve pra dançar e zuar. Rir. Só isso. Agora tem umas que não rolaaaaaaam. Tem umas que a letra é nojenta, vulgar, machista e só palavreado. Sem poesia, sem sentimento. Vai umazinha qui pra ilustrar o tipo que não desce de jeito nenhum. Barulho que dói o ouvido. Voz que fica gritando. ECAT! Mas de todas, o funk é pior, sem dúvidas.

 

– Citar parte da minha música favorita:

OOooownt! Não tenho bem uma preferida, aliás, se fosse pra escolher seria Outras Frequencias, a citada a cima já. Mas sempre tem aquela que te levanta, que te faz querer seguir, te dá forças e vontade de seguir.

“Faço o melhor do que sou capaz só pra viver em paz!!!!”

É isso!! Vivendo a cada dia, dando o melhor de mim, sem querer ser a melhor, apenas viver e aprender cada dia mais.

 

– Minha música nacional favorita

Achei esse item preconceituoso. Como se as músicas nacionais fossem ruins e a gente tivesse que escolher uma no meio pra chamar de boa. TOOOODAS as minhas citadas são nacionais e amo de paixão sempre! Nossa música já foi citada por muitos como a melhor do mundo. Não é só funk que vive o Brasil. Então, como sou a diferentona, vou fazer o contrário, escolher a internacional HAHAHA.. Também não tenho minha preferida, amo várias, mas tenho a minha banda preferida, a que mais me enche os olhos e me faria sair de casa  e enfrentar um show lotado de gente na capital 🙂 E vai a primeira que conheci deles, onde tudo começou, onde meu amor começou… E esse clipe.. AAAAAH, um DENGO!!

 

 

 

TAG Espelho Espelho Meu

Olá gente linda 🙂 Fui marcada no Instagran pela Natasha do blog “Mil Vidas Literárias”. Vamos falar das capas dos meus queridos livrinhos… Como meu IG tá louco, não consigo terminar minhas postagens. Vamos fazer aqui, melhorando o bonito lá eu posto também ^^

IMG_4608

1 – Capa com um animal: As crônicas de Nárnia

Amoooo demais esse Leão, diga-se de passagem, e as histórias são perfeitas 🙂

2 – A Capa mais escura: A Mediadora – A terra das sombras

Vamos concordar que casou muito bem essa capa escura com a história, tudo bem sombrio e misterioso!

3 – Capa mais simples: Morte Súbita

A tia Jo me decepcionou nesse livro. Não consegui terminar de ler e essa capa se não fosse de um livro dela, não chamaria a atenção nem um pouco.

4 – Capa mais feia: Lua Nova

Não me matem os fãs da Saga Crepúsculo, mas eu não consigo gostar dessa capa, essa flor é horrorosa #prontofalei

5 – Com um número na capa: 360 dias de sucesso

Ainda não consegui ler pra falar alguma coisa, mas estou curiosééérrima #amothalita

6 – Capa que seja o meu xodó: Azar o seu!

Acho uma fofura e já usei em vários desafio no IG, acho que o livro sai bem nas fotos (hein?) e tem uma pegada romântica.

7 – A capa mais bonita: Minha vida fora de série

Eu simplesmente AMO as capas da Paulinha, são todas lindas e não tenho palavras pra dizer, costumam ser minhas favoritas do universo literário.

 

—–> Então é isso. Como sou inteligente fotografei os livros de ladinho e ninguém viu as capas HAHAHA foi só pra dar curiosidade (seeeeei).

Mil beijos para vocês, e deixo marcado pra fazer todas as amigas que falam de livros no blog ❤

TAG: Irmandade doa blogueiros

Ola minha gente:) as provas acabaram (ufa!) e hoje volto a postar. A fofa Yasmim do blog Qualquer Latitude me marcou em três TAGs que eu ameeei ❤ vou fazer uma de cada vez… Simbora?

img_5588-0

  1. Por que você criou o seu blog? O que te motivou? Conheci a blogosfera com 16 anos (só um pouquinho de tempo). Era super da hora ter um blog e ficar postando frases, poemas, fotos legais, falando de artistas, filmes que viu e coisas do dia-a-dia. Lembro que a gente ficava mudando toda hora de lay (tudo do By Marina, quem é dessa época levanta a mão!!). Fiquei com ele até os 18 anos, quando fui amadurecendo os textos e fazendo reflexões e desabafos. Nessa época um grupinho começou com destaques, concursos e só entravam nos blogs pra pedir comentários. Cansei e retornei 5 anos depois quando fiquei desempregada, para passar o tempo. Quando voltei a trabalhar fui postando muito espaçadamente até o ano passado, como estava muito esquisito deletei o antigo e iniciei o Carioca do Interior. Tenho vício em escrever, acho que me relaxa e me abre o mundo.
  2. Você tem uma frequência certinha pra postar? Ou vária de acordo com as ideias? Vária um de acordo com as ideias e minha disponibilidade. Tenho uma caderneta improvisada que vou anotando o que quero escrever.
  3. Quais os seus blogs brasileiros preferidos? E os de fora?  Tenho os meus momentos, mas ultimamente meus preferidos são os dos amigos do “Projeto vai um Café”, todos ao lado na lista de seguidores. Acompanho o Chata de Galocha, Coisas de Diva, Pausa para Feminices, Just Lia e outros. Acompanhava muitos literários, mas agora acabo lendo só no Instagran. Lá de fora não frequento pois meu inglês é o ó.
  4. Qual tipo de post você mais gosta de escrever? Reflexões dobre vários assuntos cotidianos, coisas que aprendi e gosto de dividir com o mundo. As viagens que acho maravilhoso compartilhar as experiências e valorizar nosso turismo que é maravilhoso.
  5. Na sua opinião, qual é o melhor dia da semana para postar? E horário? Domingo na hora do almoço. Sempre estou livre, tem muita gente on line. Tem domingos que passo na blogosfera e faço uns rascunhos para postar durante a semana.
  6. Já passou alguma vergonha por causa do blog? Não que eu saiba rs.
  7. Qual experiência mais bacana que a blogsfera já te proporcionou? Fazer amizades e conhecer lugares diferentes, livros, músicas e dicas de moda e beleza.
  8. Qual tipo de post você mais gosta de ler? De viagens, moda/beleza e experiências pessoais para conhecer melhor as pessoas que sigo. Sobre livros parei de ler pois muitas resenhas vinham com spoiler ou simplesmente contavam a história toda rs.
  9. Quais são os seus canais no Youtube preferidos? Não sou muito chegada em ficar vendo vídeos no Youtube. Quando vou sair gosto de pegar makes com a Andreza Goulart ou outras. Às vezes assisto o Canal da Chata e gosto das dicas de livros da Pam Gonçalves e Chiclete Violeta. Acompanho mesmo o Amigos da Luz.
  10. Se pudesse dar um conselho para alguém que vai criar um blog hoje, qual seria? “Crie! Não tenha medo se vão ou não gostar de você, escreva o que gosta, só tome cuidado pra não falar bobagens e ofender ninguém. Blog é, a cima de tudo, local para fazer amizades, conhecer gente nova e ampliar seu mundo. Aventure-se!!”

É isso!! Estou marcando as amigas Bianca CarvalhoChristiane OliveiraJulia Rolim e quem mais quiser!! A Yasmim marcou um monte de amiga blogueira minha HAHAHA

Beijinhos meu povo